10 Benefícios Incríveis do Guaraná para Saúde

Cultivado principalmente no município de Maués, no estado do Amazonas, o guaraná tem um evento em sua homenagem, “a Festa do Guaraná”, com direito a um concurso que elege a “Rainha do Guaraná”.

O guaraná cientificamente conhecido como Paullinia cupana, vem do guaranazeiro, de origem amazônica e os indígenas o chamam de uaraná. É encontrado no Brasil, Peru, Colômbia e Venezuela e conhecido pela boa concentração de cafeína.

Com a casca vermelha, polpa branca e sementes parecidas com os olhos humanos, a fruta é normalmente encontrada em bebidas energéticas e, também, como xarope, extrato, pílula, cápsula, suplemento e pó e foi cultivado pelos indígenas Saterê Mawé.

Veja os 10 Benefícios Incríveis de Guaraná para Saúde

guarana

1- Alivia o estresse

Também é conhecido como “o fruto mágico” por possuir propriedades calmantes. A cafeína é conhecida por ter efeitos positivos sobre o humor e isso aumenta o estado de alerta e sentimentos de bem-estar.

O que fazer: Faça uma xícara de chá com esta fruta para aliviar os níveis de estresse e melhorar o seu humor.

2- Aumenta a inteligência

Facilita a capacidade de aprendizagem e melhora o desempenho intelectual. O guaraná tem o potencial de melhorar a circulação sanguínea, promovendo assim uma melhor saúde mental. Melhores níveis de circulação sanguínea é sinal de alívio das enxaquecas e dores de cabeça.

3- Melhora a libido

É conhecido em todo o mundo pelas suas propriedades afrodisíacas naturais. A presença de cafeína nesta fruta aumenta a libido. Assim, o uso regular pode ajudar uma pessoa levar uma vida sexual feliz, inclusive na terceira idade.

4- Regula os ciclos menstruais

Isto é uma bênção para as mulheres que são propensas à menstruação dolorosa,pois o guaraná ameniza os sintomas pré-menstruais. As mulheres, que se sentem “esgotadas” durante a menstruação, podem ter a ajuda da fruta para melhorar seus níveis de energia.

5- Purifica o sangue

A presença de cafeína e catequinas permitem que o guaraná ajude na redução do risco de trombose, impedindo que o sangue forme coágulos.

6- Analgésico natural

A cafeína presente no guaraná estimula a circulação do sangue. Quanto melhor a circulação do sangue, menor as dores em uma lesão. Ele atua como um analgésico natural.

7- Limpa e alivia o sistema digestivo

Guaraná estimula o movimento dos intestinos, o que é um efeito benéfico para as pessoas que sofrem de constipação. Além disso, o guaraná é eficaz para o tratamento de outras complicações dos intestinos, incluindo gases e diarreia, pois ajuda a desintoxicar e limpar o sistema digestivo.

8- Elimina as espinhas e as acnes

Essa fruta ajuda a reduzir a acne combatendo os germes que a causam e protegendo a pele de qualquer dano.

9- Remove as caspas

Os nutrientes presentes no guaraná combatem as infecções bacterianas e virais causadas no couro cabeludo e previnem a perda de cabelo, deixando com a aparência brilhante.

Faça o seguinte: Consuma esta fruta regularmente, pois o guaraná ameniza o óleo do cabelo.

10- Hidrata a pele

Esta fruta hidrata a pele e ajuda a restaurar seu brilho natural. Os antioxidantes presentes no guaraná restauram o tecido conjuntivo e, portanto, elimina a aparência seca e rachada.

Extras:

11- Aumenta os níveis de energia do corpo

O teor de cafeína no guaraná é maior do que a quantidade presente nos grãos de café. O guaraná estimula diretamente o sistema nervoso central e pode ser tomado em pequenas doses para combater a fadiga e aumentar os níveis de energia. Isto o torna um energizante poderoso que impede que a tensão nos músculos.

12- Controla a fome

O guaraná também é conhecido por possuir propriedades que diminuem o apetite. Este fruto “solicita” ao sistema nervoso para induzir a lipólise, onde as gorduras são liberadas para o sangue utilizadas sob a forma de energia durante o exercício. Quanto melhor for a taxa de lipólise mais eficaz será a perda de peso.

Faça um chá a partir deste fruto para suprimir a fome e, portanto, perca peso.

Outros benefícios do guaraná:

  • Aliviar a dor causada devido à artrite reumatóide
  • Impede aterosclerose
  • Impede corrimento vaginal
  • Um antídoto natural para a ressaca
  • Propriedades antidepressivas e propriedades antissépticas.

Precauções durante a utilização de Guaraná:

  • As mulheres grávidas devem evitar o guaraná, pois a ingestão de cafeína em excesso poderia dificultar o desenvolvimento fetal, e até mesmo provocar o aborto. As mães que amamentam também são aconselhadas a manter um controle sobre o consumo.
  • Não é aconselhável a ingestão antes de ir para a cama, especialmente se está sofrendo de qualquer tipo de distúrbio do sono.

 

Veja também este ótimo vídeo com diversas explicações sobre o guaraná

Fontes:

http://www.stylecraze.com/articles/benefits-of-guarana-for-skin-hair-and-health/

http://www.livestrong.com/article/243271-what-are-the-benefits-of-guarana/

http://www.tophealthremedies.com/15-benefits-of-guarana-for-skin-hair-and-health/

10 Maneiras Infalíveis para se Tornar mais Inteligente

Está difícil se manter antenado a tudo o que acontece com uma intensa agenda da faculdade ou do trabalho? Na sequência são apresentadas 10 maneiras para ser visto como inteligente. São truques simples para aumentar o poder real do cérebro e aumentar a sua capacidade no trabalho ou na faculdade.

Veja as 10 Maneiras Infalíveis para se Tornar mais Inteligente

10 Maneiras Infalíveis para se Tornar mais Inteligente

1) Leia mais

Quanto mais você pratica a leitura, mais seu cérebro se acostuma a organizar ideias e a se expressar. Além disso, uma das melhores maneiras de aumentar a própria inteligência é ler mais! Quanto mais você pratica a leitura, mas rápido você conseguirá ler qualquer coisa. Assim, irá cada vez mais ter acesso a mais conhecimento e um menor espaço de tempo.

Não basta apenas ler, reserve um tempo para refletir e absorver sobre o que foi lido e manter o conteúdo na memória.

2) Seja expressivo

Coloque confiança em cada palavra que você disser. Mesmo quando tiver dúvida de algo, diga “eu não sei”, mas diga com convicção. Até mesmo dizendo que não sabe algo, porém, mostrando confiança em si mesmo, irá parecer (e será) mais inteligente.

A linguagem expressiva é a chave, é possível aumentar a própria credibilidade por simplesmente ter a certeza de falar com um tom envolvente.

3) Fale com convicção

Em uma discussão, muitas vezes, você fica sem ter o que dizer para convencer o outro de sua ideia. Nunca chegue a esse ponto. Tenha convicção do que está dizendo, se o assunto partir para algo que você não domina, encerre a conversa ou diga, “eu não entendo desse assunto”.

Não ter argumentos para defender sua ideia irá fazer um estrago maior do que simplesmente não tentar defende-la. Primeiro estude o caso e fale apenas o que dominar.

4) Mantenha o foco em o que você domina

Em complemento à dica anterior, em uma conversa, cada uma das pessoas terá uma área especifica de conhecimento. É muito natural que você não domine todas as áreas, então, quando alguém estiver falando sobre uma área que você não tem total conhecimento, fale, com convicção, apenas até o ponto onde você tem certeza do que está dizendo.

Mais importante que isso, cuidado com a ilusão de achar que você conhece determinado assunto. Se você não domina, não finja que sabe. Aproveite para ouvir e aprender um pouco.

5) Faça atividade física

Um corpo saudável significa um cérebro saudável. Então, entre toda leitura e todas as dicas, adicione um esporte ou qualquer atividade física à sua rotina. Isso significa comer bem e se exercitar regularmente. Alguns estudos mostraram associações entre a atividade regular e capacidade intelectual, produtividade e criatividade.

6) Fale com você mesmo

Enquanto murmurar para si é muitas vezes encarado como comportamento de gente maluca, um estudo recente mostrou que conversar em voz alta consigo, ajuda no impulso temporário cognitivo quando você está tentando encontrar a resposta para algo.

A teoria por trás disso é que quando são dadas a si indicações verbais para uma tarefa que está sendo realizada, a pessoa foca melhor no problema e solução.

7) Aprenda uma segunda língua

Quem fala duas ou mais línguas é vista como mais inteligentes. Mas alguns estudos mostram que isso pode fazer essa pessoa ser realmente mais inteligente.

Se souber uma segunda língua, a pessoa será capaz de se adaptar e alternar entre determinadas tarefas mentais de modo melhor, do que outros que apenas dominam apenas uma língua. Então quando há desejo de dar ao cérebro um real impulso, aprender uma nova língua é uma forma real e útil de ter sucesso.

8) Use sua capacidade (sem calculadora, GPS)

A tecnologia torna a vida mais fácil, porém, usar seu cérebro para algumas atividades irá te ajudar a parecer mais inteligente.

Não use GPS. Aprenda o próprio caminho ao redor da cidade. Não use calculadora o tempo todo, faça contas de cabeça.

Além de parecer mais inteligente, irá realmente exercitar seu cérebro e se tornará cada vez mais inteligente.

9) Descubra o que te faz menos inteligente

Há diversas pesquisas em andamento para descobrir o que nos torna mais inteligentes. Mas também é importante saber o que irá trabalhar, o que irá fazê-lo/a menos inteligente.

Fuja de mitos e assuntos bobos. Por exemplo, mitos como “a internet está tornando-nos mais burros” ( que não é, se você usá-lo corretamente ) “, “ouvir música clássicas faz com que crianças fiquem mais inteligentes” ( improvável, já que musicoterapia envolve diversos fatos e não um estilo musical).

Quanto menos tempo você gasta em mitos sem sentidos, mais tempo você pode gastar realmente exercitando seu cérebro e ficando, de fato, mais inteligente.

10) Acredite realmente que é possível ser mais inteligente

Estudos têm mostrado que esta simples crença pode realmente tornar-se realidade. Isso não é dizer que a pessoa deva ser arrogante, apenas assuma que pode melhorar seu conhecimento. O que levará à abertura para aprender coisas novas e indagar novas questões, o exato tipo de aspecto que pode fazer da pessoa mais inteligente.

Saiba Tudo Sobre o Síndrome de Romberg

Síndrome de Romberg ou atrofia hemifacial muscular é uma doença autoimune onde ocorre uma atrofia e degeneração da pele e da estrutura óssea. Sua causa é desconhecida, mas sabe-se que essa doença craniofacial se trata de uma deformidade progressiva que afeta em muitos casos o lado esquerdo do rosto.

Essa patologia rara também leva o nome de síndrome de Parry-Romberg, em homenagem aos descobridores: Hillier Parry, primeiro a relatar um caso no ano de 1825 e Moritz Heinrich Romberg responsável por tornar esse distúrbio conhecido em 1845.

Pacientes com essa síndrome também podem desenvolver atrofia em outras partes do corpo, como tronco, pernas e braços. Geralmente, os sintomas acontecem antes dos 20 anos. Dados mostram que essa doença atinge 1 em cada 700 mil pessoas.

1) Causas da Síndrome de Romberg

Apesar do avanço científico a causa da síndrome de Romberg é desconhecida. Essa enfermidade afeta pessoas de todas as idades e sexos, porém a maioria (60%) são mulheres e está presente em qualquer etnia.

Muitos cientistas acreditam que sua base é hereditária já que há mais de um caso na família, porém isso não foi comprovado.

Outro fato levantado pelos pacientes foi a ocorrência da doença após uma situação de trauma ou infecção. Recentemente, a ideia de ser uma reação autoimune tem ganhado força, considerando ser uma consequência de um contra-ataque do próprio organismo causado por uma inflamação nos nervos e gordura. Ainda, muitos acreditam que a síndrome é resultado da simpatectomia – retirada do nervo simpático principal.

Mas nenhum desses fatores tem base científica o que deixa os pesquisadores cada vez mais intrigados.

2) Sintomas da Síndrome de Romberg

parry_rhomberg_facial_hemiatrophy_rd

A procura por um médico é incentivada pela deformidade repentina na aparência, que se manifesta dos 5 aos 15 anos de idade. Na consulta, é levado em conta o histórico do paciente, sintomas ocorridos e testes a serem feitos. Entre esses testes, podemos citar a ressonância magnética para os sintomas neurológicos e biopsia.

Essa atrofia hemifacial possui estágios de aparição e sintomas em graus diferentes, variando de pessoa para pessoa:

Primeira fase:

  • Endurecimento da pele – acima do maxilar
  • Mancha na pele e couro cabeludo podendo ser escura ou vitiligo
  • Surgimento de cabelos brancos
  • Dor facial

Na infância:

  • Deformidades ósseas
  • Má formação dos dentes permanentes e gengivas
  • Alopecia

Essas deformações são contínuas e mesmo depois de anos podem levar a atrofia da epiderme, ossos e músculos. Além dos sintomas citados, ocorre um encolhimento da pele, relacionadas às outras partes do rosto, são elas:

  • Olhos: Conjuntivites constantes, olho avermelhado e fundo e pálpebra caída
  • Boca: Problemas para abrir a boca, comer e falar
  • Nariz, testa, pescoço, orelha.
  • Sintomas neurológicos: Convulsões e enxaquecas severas.

A duração da atrofia gira em torno de 10 anos, porém, com o tempo pode ocorrer um reaparecimento dos sintomas.

Diferentes graus e lugares afetados:

  • Leve: parte do rosto afetado, mas não há uma alteração física grande.
  • Moderado: parte do rosto afetado, com atrofia muscular acima do maxilar bem proeminente e alguns dos sintomas acima.
  • Severo: dois lados do rosto afetados –condição rara- com agravamento de todos os sintomas.

Muitas vezes, os sintomas estão associados com outras doenças como lúpus, vitiligo e escleroderma. Sintomas emocionais, como depressão e ansiedade afetam grande parte dos portadores, devido às mudanças na aparência.

3) Tratamento

IMG_1509

Para o tratamento é necessário que vários médicos especializados em áreas diferentes trabalhem juntos. Como por exemplo, cirurgiões, oftalmologistas, neurologistas, dermatologistas e dentistas para que o tratamento seja eficaz e dê uma melhor condição de vida ao paciente.

Essa doença autoimune não possui cura, mas há tratamentos paliativos, como, por exemplo:

  • Uso de imunossupressores, como metrotexato e ciclofosfamida que aliviam os sintomas.
  • Cirurgia: realização de enxertos de pele nos locais afetados, injeções de gordura para melhorar a aparência.
  • No caso de sintomas neurológicos, faz-se uso de anticonvulsivos.

Fontes:

http://www.medicinenet.com/parry-romberg_syndrome/article.htm

http://boletim.med.br/boletim/artigos_ver.php?id=68

Parry Romberg Syndrome

10 Dicas Eficientes para Organizar o Tempo

Com o passar do tempo é comum sentir que tem mais tarefas em mãos, porém sem tempo suficiente para executar as mesmas. Seria possível efetivamente encontrar um meio para organizar o tempo de maneira que consiga concluir todas as suas atividades eficientemente?

O segredo está em organizar as próprias atividades e usar o tempo de modo eficaz para que mais coisas sejam feitas a cada dia. Isto pode ajudar a reduzir o estresse e ter desempenho melhor no espaço de trabalho, afinal, os dias estão cada vez mais agitados para todos.

O gerenciamento do tempo é uma habilidade que leva esforço para desenvolver e é diferente para cada pessoa. É apenas necessário encontrar o que funciona melhor para si.

Veja as 10 dicas eficientes para organizar o tempo, melhorar as próprias habilidades de gestão do tempo e aumentar a produtividade:

trabalhar acordar cedo

1 – Comece cedo

A maioria dos homens e mulheres bem sucedidos tem uma coisa em comum. Eles começam o dia cedo, já que isso confere a eles sentar-se, pensar, e planejar cada dia. Ao acordar cedo, a pessoa está mais calma, criativa e lúcida. À medida que o dia avança, os níveis de energia começam a reduzir, o que afeta a própria produtividade e aí já não se executa tão bem.

2 – Priorize o trabalho

Antes do começo do dia, fazer uma lista de tarefas que necessitam a atenção imediata, assim organizar o tempo de cada uma, já que as tarefas sem importância consomem muito do tempo precioso. Algumas tarefas precisam ser completadas naquele dia apenas, enquanto outras não importantes poderiam ser determinadas para outro dia. Em suma, priorizar as tarefas para focar nas que são mais importantes.

3 – Nunca procrastine

A procrastinação é uma das coisas que afetam negativamente a produtividade. E pode resultar em perda de tempo e energia essenciais. E deve ser evitada a todo custo, já que isto poderia ser um problema enorme na carreira e vida pessoal.

4 – Faça uma tarefa de cada vez

A maioria das pessoas sente que a função multitarefa é uma maneira eficiente de ter as coisas feitas, mas a verdade é que as pessoas têm desempenho melhor quando se focam em uma coisa apenas. A função multitarefa prejudica a produtividade e deve ser evitada para melhorar as habilidades de organizar o tempo.

Mais uma dica é se esforçar por pequenas e grandes coisas em um dia. Ao passar por tarefas pequenas, a sensação é de dever cumprido. Isso dará o impulso para executar as coisas complicadas ou demoradas.

E o ideal é sempre trabalhar em uma coisa de cada vez, sendo o aspecto de multitarefa, como já citado, superestimado. Os estudos realizados por especialistas como Clifford Nass em Stanford University mostram que as pessoas são menos produtivas quando estão alternando entre os smartphones e o trabalho.

5 – Faça uma lista de tarefas

Carregar uma agenda, planner, ou bloco de notas e listar todas as tarefas que surgem à mente. Fazer uma lista simples do que é necessário realizar, antes de começar o dia, priorizar as atividades e certificar-se de que são atingíveis. Para melhor gerenciar as próprias habilidades com tempo, é possível pensar em fazer 3 listas, do trabalho, de casa, e a lista pessoal.

6 – Determine os prazos

Quanto tiver uma tarefa em mãos, determinar um prazo realístico e cumprir o mesmo. Tentar determinar um prazo de poucos dias antes da tarefa, para que seja possível completar todas aquelas tarefas que podem ficar no caminho. Desafiar a si e cumprir o prazo. E recompensar-se por cumprir um desafio difícil.

7 – Delegue tarefas

É comum para todos assumir mais tarefas do que o próprio potencial desejado. Isto pode muitas vezes resultar em estresse e esgotamento. A delegação não é fugir das responsabilidades, mas é uma função importante de gestão. A dica é aprender a arte de delegar trabalho aos próprios subordinados, conforme as habilidades deles.

8 – Faça algumas pausas

O ideal é poder fazer uma viagem curta. Um final de semana por exemplo. Isso irá refrescar a mente. Além disso, passar um tempo com os amigos e família também ajuda a refrescar a mente.

Sempre que encontrar de 10 a 15 minutos para si, fazer uma pausa. Muito estresse pode afetar o corpo e a própria produtividade. Então fazer uma caminhada, ouvir música ou fazer alongamentos rápidos.

9 – Não de margem para o estresse

O estresse muitas vezes ocorre quando as pessoas aceitam mais trabalho do que a própria capacidade. O resultado é que o corpo começa a se sentir cansado, o que pode afetar a produtividade. Ao invés, é indicado delegar tarefas e ter certeza de reservar um tempo para relaxar.

10 – Diga não

Para conseguir manter o foco em o que importa, você terá que dizer não para dezenas de outras oportunidades. Não pegue mais tarefas para fazer, se você sabe que não irá dar conta. Faça uma tarefa bem feita ao invés de fazer mais de uma tarefa e não conseguir manter a qualidade em todas elas. Simplesmente diga não.

10 Dicas Eficientes para Organizar o Tempo

Fonte:

http://www.lifehack.org/articles/productivity/10-ways-improve-your-time-management-skills.html

10 Alimentos que Ajudam a Emagrecer Rapidamente

Com certeza, a parte mais difícil de uma dieta é não poder comer. Mas será que é possível perder peso comendo? Quem faz regime está dando cada vez mais atenção a esses 10 alimentos. Se você comê-los de forma adequada, poderá emagrecer rapidamente e manter uma sensação de saciedade.

Veja os 10 Alimentos para Emagrecer Rapidamente e Ter uma Dieta Agradável!

emagrecer rapidamente

1 – Abacate

Embora o abacate possua um alto nível de calorias, a fruta contém grande quantidade de gordura insaturada, o que oferece uma ajuda significante na eliminação de gordura abdominal e a neutralizar o mau colesterol.

2 – Ovo

É 100 % recomendável para os esportistas já que o ovo é um grande fonte de proteína. Comer ovo de manhã ajudará a queimar caloria durante o dia. Para completar, por possuir grande concentração de proteínas, o ovo ajuda a manter a sensação de saciedade ao longo do dia.

3 – Gengibre

Esse alimento é considerado um superalimento por conter grande quantidade de minerais e vitaminas. Gengibre contém função desintoxicante que limpa o colon e fígado, acelerando o metabolismo e assim aumentado a queima de gorduras.

4 – Sementes de Chia

Extraída da Salvia hispânica L., planta nativa da Guatelamala e do México, essa sementinha tem uma quantidade surpreendente de fibras (4,5 gramas em uma colher de sopa), sendo uma excelente alternativa para saciar e amansar a fome. Segundo um estudo publicado na Revista da Sociedade Europeia de Nutrição Clinica e Metabolismo, acrescentar duas colheres de sopa de chia no café da manhã deixa o estômago sossegado até a hora do almoço.

5 – Blueberry (mirtilos)

Por ter grande quantidade de vitamina C e conter baixa caloria consumir mirtilos regularmente ajuda a queimar gordura abdominal, devido a sua grande quantidade de antioxidantes, ele ajuda a reduzir o colesterol ruim e triglicérides do organismo fazendo com que você emagreça.

6 – Iogurte natural

Durante a dieta, os iogurtes com açúcar devem ser evitados. Porém, o iogurte natural é rico em proteína e é facilmente absorvido pelo corpo. Ainda mais, ele dá uma ótima sensação de saciedade.

7- Semente de Linhaça

É uma das maiores fontes vegetais de ômega 3, famoso por reforçar as defesas e prevenir o colesterol alto. “Anti-inflamatório, esse ácido graxo também reduz a resistência à insulina, favorecendo a perda de peso”, diz Renata Carnauba, nutricionista da VP Consultoria Nutricional, em São Paulo.

8 – Salmão

O salmão é excelente, pois não possui as gorduras saturadas presentes na carne vermelha. Além disso, as proteínas magras aumentam a sensação de saciedade, o que ajuda a comer apenas o necessário. Enquanto ele ajuda emagrecer, também é um ótimo alimento para melhorar a memória e diminuir os níveis de estresse já que é rico em ômega 3.

9 – Aveia

Este grão é uns dos grandes aliados para quem quer emagrecer. A aveia é rica em fibras solúveis que se transformam em gel, assim, atraindo as moléculas de acúcar e gordura, que posteriormente são eliminadas nas fezes. Além de gorduras, a aveia ajuda seu corpo a eliminar tudo o que não faz bem.

10 – Chocolate Amargo

O sonho de muita gente é realidade. Sim, chocolate pode ajudar a emagrecer. Mas apenas chocolate amargo. Uma pesquisa realizada na Dinamarca concluir que as pessoas que comiam um pedaço de chocolate amargo na parte da manhã, consumiam 15% calorias a menos do que as pessoas que não comiam. O que é uma ótima porcentagem para quem esta tentando queimar as calorias extras.

Fontes:

https://authoritynutrition.com/20-most-weight-loss-friendly-foods/

 

TESTE DE PERSONALIDADE: DESCUBRA A CIDADE PERFEITA PARA VOCÊ!

O mundo está repleto de lugares fantásticos. Assim como encontrar a alma gêmea, há pessoas que buscam encontrar a cidade perfeita que lhes complete. Não é uma tarefa fácil.

Existe lugares que você tem que estar e lugares que você gostaria de estar. Mas, o lugar que realmente o completaria pode ser o lugar que combine com sua personalidade. Como descobrir? Faça este teste e descubra a cidade no mundo que combina com sua personalidade.

Descubra a Cidade Perfeita para Você Morar no Futuro?

10 Maneiras Eficientes para Ser um Homem Mais Atraente

A ciência explica como ficar mais atraente. As dicas podem ajudá-lo, não apenas no jogo da conquista, mas também em conseguir um melhor emprego, bem como melhor convivência social. De acordo com algumas pesquisas, as pessoas prestam mais atenção e dão mais credibilidade a quem é mais atraente. Logo, se quer atenção, além de ter um ótimo conteúdo para expor, ajuda muito ser um homem mais atraente.

Nós reunimos as principais maneiras para se tornar mais atraente, a fim de ajudar você a melhorar seu desempenho profissional e pessoal.

Confira as 10 maneiras para se tornar um homem mais atraente:

1 – Melhore sua postura

homem mais atraente postura

Um estudo realizado no ano de 1997, pela Universidade da Califórnia, já atentava para a importância da postura para melhorar a simpatia. A Universidade afirmou que andar curvado é, tradicionalmente, um sinal de fraqueza, já que demonstra ser um posicionamento de quem está mais preocupado em se proteger de ataque, ou seja, aparenta ser um sinal de insegurança.

Em contrapartida, manter a postura ereta traz a sensação de confiança, de maneira a atrair as pessoas.

2 – Não sorria muito

não sorria muito

Ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, um sorriso é sempre bem vindo, mas não exagere mostrando os dentes o tempo todo. A Universidade de British Columbia, em um estudo, constatou que as mulheres se atraem sexualmente mais pelos caras mais sérios. Não confundir com mal humorados. Então, sorria, porém, não dê risadas o tempo todo mostrando os dentes.

3 – Deixe a barba!

caua-reymond-barba

A revista Evolution and Human Behavior publicou um estudo afirmando que homens com barba são a preferência entre as mulheres. O estudo diz ainda que a barba pode tornar os homens mais atraentes, já que os mesmos adquirem uma imagem, em potencial, de protetores e bom pais.

4 – Se interesse por crianças

homem com bebe

Segundo uma pesquisa na França, homens que se dão bem com bebês, são três vezes mais propensos a conseguir o telefone de uma mulher do que caras que ignoram recém-nascidos. De acordo com o estudo, 40% das mulheres informaram ter interesse por homens que foram vistos conversando ou sorrindo para crianças.

5 – Explore sua altura

altural homem atraente

Aqui, a atenção também é para a postura, mas com foco em sua altura. Se você é mais alto que a média de seus amigos, tome cuidado para não se curvar com o tempo, principalmente, durante uma conversa. Porém, se você já não é tão alto assim, tome cuidado para não ficar olhando para cima ou ficar tentando alcançar coisas. Isso deixa uma impressão inconsciente de inferioridade.

6 – Faça ela sorrir

Mulher-sorrindo

De acordo com diversos estudos, um deles realizado pela Universidade do Novo México, um homem bem humorado tem mais chance de conquistar uma mulher do que um homem mais sério e conservado.

Então, você deve sorrir pouco, porém deve se manter bem humorado e ser divertido. Deve fazer ela sorrir. Ser divertido e ter senso de humor faz com que você tenha mais chances de sair do zero a zero.

7 – Não se preocupe com rostos perfeitos

Cicatriz homem atraente

O que pode ser incômodo para você nem sempre significa que será desinteressante para os outros. Um estudo no Reino Unido afirmou que mulheres acham homens com cicatrizes medianas no rosto mais atraentes para encontros casuais do que caras sem deformidades. As cicatrizes não passam um sinal de defeito e, sim, uma ideia de masculinidade.

8 – Melhore a entonação de sua voz

voz grave

De acordo com cientistas da Universidade de Aberdeen, homens com voz grossa conseguem ficar na memória das mulheres. Segundo a pesquisa, a tonalidade da voz acaba sendo usada como forma de pontuar as qualidades genéticas de um possível parceiro para relacionamento de longa duração. Então, se você tem uma voz um tanto leve e insegura, passe a dar mais atenção e falar mais confiante e em um tom mais grave.

9 – Não tire muitas selfies

20150112133453_660_420

Uma pesquisa do portal eletrônico Zoosk.com, afirma que homens que postam selfies em seus perfis de namoro online recebem 8% menos mensagens delas. Ainda de acordo com a postagem homens com fotos ao ar livre receberam 19% mais mensagens femininas. Pesquisas similares também foram feitas com o Tinder e outros apps de namoro. Então, postar selfie é legal, mas diversifique.

10 – Seja você mesmo

homem atraente autentico

Lembre-se, a insegurança pode ser uma inimiga no momento da conquista. Por isso, seja autentico, seja você mesmo. Isso irá transmitir confiança e verdade. Cada uma das dicas acima devem fazer parte de você, e não ser algo superficial. A sinceridade é uma das qualidades mais apreciadas em alguém.

10 Benefícios do Mirtilo (Blueberry) para a saúde

Descobriram a fonte da juventude, é isso mesmo o Mirtilo também conhecido como Blueberry é uma frutinha com alto teor de antioxidante, é riquíssima em nutrientes e tem um poder inacreditável para o nosso organismo.

É usado há séculos na Europa, Ásia e América do Norte, está chegando aos poucos por aqui e sendo muito bem aceito, pois além de gostoso faz muito bem à saúde, contém nutrientes essenciais, como a vitamina A, vitamina C (ácido ascórbico), vitamina B1 (tiamina), vitamina B2 (riboflavina), vitamina E (alfa-tocoferol) e vitamina K (filoquinona), além de cobre, cromo, manganês, zinco e ferro, alcalóides, ácidos carbônicos e um número de componentes fenólicos, como quercetina, antocianinas, taninos, pectina e catequinas, ou seja, é essencial para a nossa saúde.

I) Veja os 10 Benefícios do Mirtilo (Blueberry) para Saúde

Woman-eating-blueberries-551212

1- Evita a oxidação das células da pele

Os raios solares nocivos a nossa pele são facilmente combatidos com a ajuda do Mirtilo, ele contém antocianina e a vitamina C que combate a ação desses raios, ajuda a evitar a oxidação das células; consequentemente, rugas e manchas e por ser anti-inflamatório reduz a acne e os furúnculos.

2- Queima calorias

Por ter grande quantidade de vitamina C e conter baixa caloria, consumir mirtilos regularmente ajuda a queimar gordura abdominal, devido a sua grande quantidade de antioxidantes ele ajuda a reduzir o colesterol ruim e triglicérides do organismo fazendo com que você emagreça.

3- Trata as infecções urinárias

Seu suco é indicadíssimo pra tratar infecções urinárias, ele combate o aparecimento de bactérias nas vias urinárias, aliviando a sensação de queimação e inflamação na bexiga, rins e todo o trato urinário.

4- Melhora o sistema digestivo

Seu alto teor de vitamina C que ajuda a aumentar várias enzimas digestivas no corpo que desintegram as partículas de alimentos “presas” no estômago e intestinos, fazendo com que esses fiquem limpos e funcionando perfeitamente.

5- Previne das doenças cardiovasculares

Rico em  antocianinas que são antioxidantes que reduzem o colesterol LDL e triglicérides eles impedem  a formação de placas nas artérias aumentando o fluxo de sangue ao longo do corpo.

6- Combate o câncer

O Mirtilo contém Pro-antocianidinas, resveratrol, flavonóis e tanino que ajudam a inibir o crescimento de células cancerosas.

7- Protege a saúde dos olhos

Alguns componentes dos mirtilos ajudam na degeneração macular, a melhorar a cegueira noturna, protege os olhos dos danos dos radicais livres, na proteção da retina e outros problemas relacionados com a saúde dos olhos.

8- Promove a saúde do cérebro

A perda de memória ocorridos durante o envelhecimento natural do organismo e a perda das funções cognitivas podem ser combatida pelo consumo regular dos mirtilos, eles podem promover a saúde do sistema nervoso central e previnem  danos cerebrais e danos ás células nervosas.

9- Combate gripes e resfriados

Os Mirtilos têm propriedades anti-inflamatórias e por ser rico em vitamina C ajudam a acalmar as inflamações da garganta, o congestionamento nasal e, se consumido regularmente, ajuda no combate a gripes e resfriados.

10- Combate a diabetes

Possui  baixo índice glicêmico, regula a glicemia, o ácido clorogênico presente no  mirtilo ajuda  a diminuir os níveis de açúcar no sangue e controlar os níveis de glicose no sangue no tipo II (diabetes mellitus).

II) Sugestões de consumo

O mirtilo pode ser consumido no café da manhã ou no lanche da tarde de várias formas, junto com cereais ou saladas de frutas; na forma de vitaminas e sucos, utilizando a fruta fresca ou congelada; em recheios de bolos, tortas ou no preparo de geleias; acompanhando iogurtes, sorvetes e outras sobremesas.

III) Veja a seguir 3 deliciosas receitas com Mirtilos

blue muffin

Muffins de Mirtilo

  • 1/4 de copo de manteiga
  • 2 ovos
  • 1/2 colher de chá de sal
  • 1 xícara de açúcar
  • 2 xícaras de farinha de trigo
  • 2 colheres de chá de fermento
  • 1 colher de chá de baunilha
  • 1/2 copo de leite
  • 2 xícaras de mirtilos frescos ou congelados

Bater a manteiga, os ovos, o sal e o açúcar. Misturar a farinha e o fermento com a primeira mistura alternando com o leite.  Acrescentar a baunilha e os mirtilos envoltos em farinha. Pré-aquecer o forno, untar forminhas (podem ser de empadas) com manteiga e farinha. Assar por 25 minutos.

Cheesecake coberto com Mirtilos

blue cheese

Base:

  • 200g manteiga sem sal semi-derretida
  • 300g bolacha tipo Maria
  • 1/2 colher de chá de canela em pó
  1. Triturar a bolacha Maria e a canela até formar uma farinha. Misturar com a manteiga até formar uma massa homogênea.
  2. Aplicar no fundo e laterais de uma forma de aro removível untada com manteiga, pressionando bem para que fique compacta. Levar para a geladeira durante o tempo que irá preparar o recheio.

Recheio:

  • 450g de “CreamCheese” original
  • 3 ovos
  • 1 xícara de açúcar
  • 200g de nata (creme de leite fresco)
  • raspas de 1 limão
  • 1 colher de chá de essência de baunilha

Pré-aqueça o forno em 170º, ou fogo médio. Bata em velocidade baixa o “Cream Cheese” até ficar macio. Acrescente os ovos, um a um e continue batendo. Gradualmente adicione o açúcar, e bata até ficar homogêneo. Por último, adicione a nata, as raspas de limão e a baunilha. Envolva a forma do cheesecake com um pedaço grande de papel alumínio, levantando as laterais e coloque-a dentro de uma assadeira grande. Despeje o recheio na forma do cheesecake. Adicione água fervente na assadeira. Leve ao forno em banho Maria por 45 min. O recheio deverá esfriar, e após ser levado à geladeira por 4horas antes de colocar a cobertura.

Cobertura:

  • 200g de mirtilos frescos ou congelados
  • Raspas e suco de 1 limão
  • 3 colheres de sopa de açúcar

Em uma pequena panela acrescente todos os ingredientes e ferva em fogo brando por 5 min ou até que as frutas comecem a se romper. Deixe esfriar e sirva.

Suco de Mirtilos

mirtilos 3

100g de mirtilos frescos ou congelados

gotas de limão (para evitar a oxidação)

500ml de água gelada

açúcar ou adoçante à gosto.

Bater todos ingredientes no liquidificador, beber logo a seguir para que sua cor não escureça.

10 Benefícios Incríveis de Couve de Bruxelas para a Saúde

Quem nunca colocou o prato de lado por causa daquela folhinha verde, não sabe o que é ser criança. Porém quando crescemos, passamos a comer de tudo e descobrimos que aquela cor verde não é tão ruim assim. Com gosto adocicado e uma textura crocante, a couve de Bruxelas faz parte da família Brassica oleracea, que também inclui repolho, brócolis e couve.

Elas ganham o seu nome pelo fato de que foram amplamente cultivadas em Bruxelas, na Bélgica durante o século 16. Como parecem pequenos repolhos, também são chamadas de repolhinho.

Ela é cheia de nutrientes e é extremamente saudável para o corpo. Tem sido utilizada em diversas preparações culinárias em todo o mundo desde centenas de anos.

Veja os 10 Benefícios de Couve de Bruxelas para Saúde

brussel-sprout-pesto

1- Protege seu DNA

Alguns dos compostos encontrados em couves de Bruxelas podem melhorar a estabilidade do seu DNA. Estes compostos bloqueiam a atividade nociva de enzimas sulfotransferase, que podem ser prejudiciais para a estabilidade do DNA em células brancas do sangue.

2- Desintoxica o corpo

O sulforafano e sinigrin, dois glucosinolatos encontrados nas couves de Bruxelas ativam o processo de desintoxicação e ajudam o corpo a expulsar substâncias indesejadas, que causam câncer.

3- Fonte natural de vitamina C

A Couve de bruxelas oferece ainda mais vitamina C do que a laranja!A vitamina C ajuda a manter a sua pele e veias fortes e saudáveis, promovendo a fabricação de colágeno e agindo como um antioxidante. Também ajuda a prevenir a deficiência de ferro que é uma causa comum de anemia. O teor de vitamina C aumenta a imunidade, previne hipertensão, protege contra a toxicidade do chumbo e impede a catarata. 1/2 copo contém 80% da dose diária recomendada de vitamina C.

O que fazer: Coma uma porção de 100 gramas de couve de bruxelas cozidos porque contém mais de 100% de sua necessidade diária de vitamina C.

4- Combate a celulite

Couves de Bruxelas também aparecem na lista dos melhores alimentos para a celulite. Contêm um composto natural chamado indole-3-carbinol (I3C) que é um precursor do Diindolylmethane (DIM). DIM auxilia enzimas hepáticas a bloquear a produção de estrogênios 16-OH, substâncias nocivas que podem causar a celulite “quebrando” o colágeno, que mantêm sua pele forte.

A Couve de bruxelas tem enxofre que é um mineral importante que melhora o aspecto de casca de laranja da celulite.

5- Fortalece os ossos

Se você ainda não está impressionado com o valor nutricional e benefícios de saúde de couve de bruxelas, considere isto: couve de bruxelas tem muita vitamina K. Famosa pela coagulação do sangue, promove a saúde dos ossos, previne a calcificação no corpo e é boa para o funcionamento dos nervos e do cérebro.

6- Protege a saúde do cólon

Precisamos de fibra na nossa alimentação para regular a nossa digestão e proteger a saúde do cólon. Couves de bruxelas são uma boa fonte desta fibra e uma porção de 100 gramas irá fornecer quatro gramas de fibra que é 15% da ingestão diária recomendada para as mulheres.

7- Regula os hormônios

Um evento bioquímico chamado o ciclo de metilação depende de folato para fabricar DNA adequadamente e transforma norepinefrina (senso de alerta) em adrenalina (estimula o coração), bem como serotonina (regula o bom humor) em melatonina (bom para o sono). Além disso, couve de bruxelas é rico em folato que reduz a homocisteína, um aminoácido que contribui para doenças cardíacas.

8- Controla a fome

O alto teor de fibra controla as “dores” de fome e, assim, impede a pessoa de comer em excesso. Um copo de couves de Bruxelas cozidas contém cerca de 60 calorias. Ele também protege o revestimento do estômago, impedindo o crescimento da Helicobacter pylori, uma bactéria que infecta a mucosa do estômago e que pode levar ao câncer gástrico.

9– Combate as pedras nos rins

A vitamina A melhora a saúde dos ossos e dentes, aumenta a imunidade corporal, impede a pedra urinária, assim como combate a degeneração macular e catarata dos olhos.

10- Retarda o envelhecimento

Couves de Bruxelas contêm os flavonóides kaempferol, quercetina e isorhamnetin, bem como toda uma série de vitaminas (A, C, K, B-6), minerais e selênio, todos os quais ajudam a proteger o corpo contra os efeitos do estresse oxidativo sobre as células do corpo.

EXTRA

11- Saúde do bebê

Idade ideal para engravidar e a gravidez após os 35 anos

É, geralmente, recomendado comer couve de Bruxelas durante a gravidez e amamentação, pois é cheia de nutrientes e minerais. A vitamina A, C e K, ferro, magnésio, potássio, fibras, manganês e folato podem ser benéficos para uma gravidez saudável e saúde do bebê.

Como armazenar?

Armazenar as couves de Bruxelas em um saco plástico e mantê-lo na geladeira, sem lavar ou aparar. Ele pode ser armazenado até cerca de 10 dias.

Devemos ter a couve de Bruxelas na nossa mesa porque ela é classificada como sendo um “superalimento”. Além disso, a couve de Bruxelas tem mais proteína que a maioria dos legumes e quando juntamos com todas as vitaminas e minerais que contém, você tem algumas razões muito boas para incluí-la em sua dieta. Assim, ponha de lado seus pesadelos de infância de couve de Bruxelas, verifique os seus benefícios para a saúde e lhes dê uma segunda oportunidade.

Fontes:

http://www.beautyandtips.com/healthy-eating/10-wonderful-health-benefits-of-brussels-sprouts/

http://www.healwithfood.org/superfoods/brussels-sprouts-health-benefits.php

http://www.onlyfoods.net/brussel-sprouts.html

10 Benefícios Incríveis das Fibras para a Saúde e Principais Alimentos

A fibra é propriedade essencial no organismo e promove inúmeros benefícios que fazem com que o nosso sistema digestivo funcione da melhor forma possível, evitando problemas tais como a prisão de ventre. E estamos falando da fibra, que também chamada de fibra dietética, se constitui por um agrupamento de diversas substâncias, incluindo a celulose, a pectina, as gomas e dentre muitos outros polissacarídeos, quem de maneira geral apresentam características bastante similares.

É importante saber bem que a fibra alimentar está presente em muitos alimentos com origem vegetal, por exemplo, frutas, integrais, feijões e hortaliças. Existem dois tipos de fibra: as solúveis e as insolúveis. As do primeiro tipo, dissolvem em água e são consideradas mais “macias” como a farinha de linhaça e permanecem mais tempo no estômago, já as insolúveis, possuem estruturas mais duras, como grãos integrais e ervilha.

Além disso, são reconhecidas como resistentes ao processo de digestão, por conta de não serem componentes digeridos pelo organismo, é basicamente, como se passassem quase intactas pela região do trato digestivo, mas ainda assim, elas são capazes de oferecer benefícios à saúde!

1) QUAL O PAPEL DA FIBRA NA SAÚDE?

O seu papel para a saúde humana é importantíssimo. Todos nós precisamos ingerir fibra no nosso dia a dia e beber bastante líquido, uma vez que para que elas possam ser bem digeridas, precisam do auxílio da água, principalmente.

Quando ela faz parte do cardápio alimentar diário de um indivíduo, é capaz de promover a redução do risco de aparecimento de determinadas doenças que afetam o nosso sistema responsável pela digestão.

Em outras palavras, estamos ressaltando que as fibras têm a capacidade de prevenir doenças que vão desde o cancro do cólon, até hemorroida, prisão de ventre (como vimos anteriormente) e diversos outros males que podem acometer o ser humano, quando este não cuida da sua saúde de maneira eficiente.

Para esses casos, o mais indicado é a ingestão de fibras do tipo insolúvel em água, pois atuará diretamente nesse aspecto de prevenção e proteção da nossa região responsável pela digestão.

Com relação ao grupo de fibra do tipo solúvel, pode ser consumido para auxiliar no processo de diminuição dos níveis de colesterol. Além disso, essas fibras também ajudam a promover melhora do diabetes.

2) SEU CONSUMO EXCESSIVO PODE CAUSAR PROBLEMAS?

Sim. Aqui cabe um alerta: elas produzem vantagens sim na saúde do indivíduo, porém é preciso tomar cuidado e saber dosar a quantidade consumida diariamente, pois quando em excesso pode provocar efeito contrário no organismo, trazendo consequências negativas para a saúde do indivíduo. Consumir fibra além do recomendado, pode prejudicar o processo de absorção de ferro no nosso organismo, de zinco e de muitos outros minerais, abrindo mais espaço para o surgimento de problemas tais como a colite.

3) QUAIS SÃO OS SEUS PRINCIPAIS NUTRIENTES?

Embora as fibras sejam muito importantes para a nossa saúde, engana-se quem acredita que ela fornece nutrientes ao nosso organismo. E é nesse momento que talvez você esteja se perguntando porque que ela é importante para a saúde humana, se não nutre o nosso organismo não é mesmo? Aí é que está a grande questão. A fibra não vem para nutrir o nosso corpo, mas sim para ajudá-lo a digerir melhor a comida e prevenir o aparecimento das doenças graves que podem afetar todo ou parte do nosso sistema digestivo.

Como vimos anteriormente, é preciso ter muito cuidado com a quantidade consumida da fibra, pois ao invés de nos ajudar ela pode prejudicar também a nossa saúde, mas de maneira geral, quando bem utilizada na dieta alimentar diária, a fibra só tem a oferecer coisas boas. Então não se preocupe, ela é sim essencial para a nossa saúde, mesmo que não nutra efetivamente nosso corpo. Aliá-la a uma dieta equilibrada só faz somar pontos para a nossa saúde.

4) EXISTE SUPLEMENTOS DE FIBRAS?

Existe sim suplementos disponíveis no mercado, voltados para suprir as necessidades diárias de fibras na rotina alimentar de um indivíduo. Contudo, essa situação só é indicada em última instância, quando uma pessoa não consegue atingir as quantidades necessárias da fibra com a alimentação equilibrada e que esteja apresentando problemas tais como a diarréia e a constipação. Nesse caso é necessário sim promover a regulação do intestino o quanto antes e por isso os suplementos são indicados.

A suplementação não substitui a alimentação equilibrada. O ideal é que consumamos alimentos rico em fibras e que consigamos a quantidade da fibra ideal para nosso organismo através dos meios naturais. Não é tão difícil quanto parece. O importante é consultar um profissional da área de nutrição pois ele irá indicar as melhores fontes naturais de fibras, bem como a quantidade necessária para as suas necessidades.

5) FIBRA VERSUS A INGESTÃO DE MUITO LÍQUIDO

Não adianta querer consumir as fibras necessárias diariamente e esquecer que é muito importante tomar no mínimo dois litros de água por dia. É o líquido que irá promover a digestão das fibras e consequentemente a absorção de seus benefícios no organismo. A hidratação é imprescindível, não existe razão que justifique abrir mão dessa parte tão importante da nossa rotina alimentar.

Além disso, existe quem goste de associar a hidratação constante com a utilização de bactérias que trazem benefícios ao nosso organismo (probióticos), com o intuito principal de fazer com que o nosso intestino seja recolonizado e cresça em determinadas situações, como por exemplo em casos posteriores ao uso de remédios antibióticos.

6) QUAIS MUDANÇAS PRECISO FAZER PARA PROMOVER O AUMENTO DO CONSUMO DE FIBRAS NA DIETA?

Não é nenhum bicho de sete cabeças conseguir aumentar os níveis de fibras consumidas no nosso cardápio alimentar diário. Basta que façamos algumas pequenas mudanças que já irá alterar a quantidade naturalmente. Claro que precisamos consultar um profissional para que não corramos o risco de comer fibras em excesso, mas de maneira geral podemos sim ter uma noção mais profunda sobre o que fazer para já começar a sentir os verdadeiros benefícios da fibra na nossa vida.

Anote aí todas as dicas:

Dica 1

Quando você for comprar arroz, massa em geral e pão para o consumo, ao invés de escolher a versão tradicional (refinada), opte pela versão integral. Os alimentos refinados passam por muitos processos que acabam promovendo a perda dos seus nutrientes, por isso o mais saudável é começar a consumir alimentos na versão integral. E se você acha difícil adaptar-se a esse novo cardápio, basta substituir metade deles para sua versão mais saudável (integral) e a restante se mantém sendo refinada. Ao longo do tempo, você vai diminuindo a porcentagem de consumo de alimentos refinados até notar que sua dieta está completamente integral;

Dica 2

Na hora em que você for fazer suas refeições principais do dia (almoço e jantar), separe metade do prato para preencher com verduras e legumes. Para quem gosta de comer as folhas e os talos dos legumes é mais saudável ainda, pois a maior parte da fibra encontrada neles estão concentradas nessas regiões;

Dica 3

Não deixe o consumo regular feijão. Esse é o principal dos diversos outros alimentos fibrosos, que possui maior nível de fibra e que se encaixa nos dois tipos existentes: solúvel e não solúvel. Mesmo que você esteja querendo emagrecer, apenas diminua a quantidade do feijão e não deixe de comer o alimento por conta própria. O que você pode fazer é falar com um profissional para indicar um possível alimento que substitua o feijão, mas se você puder não tire esse alimento tão saudável da sua dieta.

Dica 4

Na hora de fazer os lanchinhos do dia, opte por legumes crus, como a cenoura e o pepino. Uma ótima opção é preparar sanduíche com vegetais bem folhosos (alface, rúcula, repolho, etc.). Além de ser saboroso é muito saudável e não prejudica quem quer emagrecer. E claro, não se esqueça que o pão do sanduíche tem que ser integral;

Dica 5

A utilização de verduras e legumes também pode ser associada a preparação de trotas, como por exemplo. Substitua farinha branca por integral e adicione farinha e aveia nas suas receitas;

Dica 6

Para quem quer atingir a dosagem necessária de fibras diariamente não deve deixar de comer frutas, incluindo suas cascas e também os bagaços, pois é onde a fibra mais se concentra. Quem não gosta de comer frutas na sua forma inteira tem a opção de fazer um preparo saudável de salada de frutas ou consumir o seu suco natural. Mas nesse último caso, o recomendado é que evite coar a bebida, para manter as fibras da fruta no suco;

Dica 7

Quando você for comprar produtos no supermercado, não tenha preguiça de ler os seus rótulos, visto que é neles que você consegue ver a quantidade de fibra que aquele alimento é capaz de proporcionar ao seu organismo. Fazendo isso será possível selecionar e comprar o alimento que seja mais fibroso, ou seja, que possua maior quantidade de fibra possível;

Dica 8

O que poucos sabem é que a maioria dos legumes e vegetais que compramos podem ser consumidos com a própria casca. Dentre eles destacamos a bata inglesa, a batata doce, a cenoura e muitos outras. O importante é higienizar bem esses alimentos antes de prepara-los par o consumo. É exatamente nas cascas deles que as fibras estão concentradas, por esse motivo recomenda-se o consumo delas junto ao alimento em questão.

A seguir, o artigo irá aprofundar melhor nos principais benefícios que a fibra pode promover na vida das pessoas, bem como listará as principais fontes naturais dessa substância tão importante no processo de manutenção e regulação do sistema digestório, deixando-o funcionar de maneira eficaz. Anote aí todas as dicas e procure um profissional qualificado, para que ele possa recomendar os melhores alimentos para a sua saúde e a quantidade necessária diariamente a depender dos seus reais objetivos.

7) VEJA A SEGUIR OS 10 BENEFÍCIOS DAS FIBRAS ALIMENTARES:

1. Ajudam na prevenção de doenças cardiovasculares

Acredita-se que os tipos solúveis, como a aveia, colaboram para reduzir os níveis de colesterol total e o LDL, que é considerado o colesterol ruim para o coração. Naturalmente, manter níveis saudáveis de colesterol, ajuda na prevenção de doenças cardiovasculares, até por evitar que depósitos de gordura se acumulem nas artérias.

2. Auxiliam no tratamento de diabetes

Os portadores de diabetes podem contar com o auxilio das fibras alimentares no controle da dieta. Pode até mesmo ser uma medida preventiva para a doença. Já que a fibra alimentar contribui para a diminuição da absorção de glicose.

Quando falamos de diabetes, naturalmente, envolvemos os níveis glicêmicos e as fibras alimentares, colaboram para estabilizá-los. Além disso, estudos apontam uma relação da ingestão de ambos os tipos de fibras, com a diminuição do risco da Diabete tipo 2.

3. Proporcionam mais sucesso na dieta

As fibras alimentares tem grande relação com o aumento da sensação de saciedade e dependendo do alimento a ser consumido, o benefício pode ser maior ainda, tendo baixa densidade calórica, ou seja, incluir as fibras alimentares no dia a dia, com porções adequadas, pode contribuir para a manutenção do peso corporal.

4. Benéficas para o trânsito intestinal

As fibras são consideradas verdadeiras “vassouras” em relação ao intestino, pois elas colaboram empurrando os resíduos por ele, ou seja, basicamente auxilia numa formação do volume do bolo fecal e a sua excreção.

Principalmente a fibra insolúvel, pode ser uma grande aliada na prevenção da obstipação ou tratamento da constipação intestinal. Esse benefício pode ser ainda maior, se a ingestão de água diária for adequada.

5. Ajudam a prevenir a diverticulose

A falta de fibra em geral, pode contribuir para a ocorrência da diverticulose, que é uma doença que atinge a parede intestinal, com pequenas bolsas, que podem inflamar e favorecer, dependendo  do caso, a formação de colônias de bactérias.  Por isso é importante manter uma dieta rica em fibras, já que elas colaboram para o bom funcionamento do intestino.

6. Previnem a hipertensão arterial

A ingestão desses nutrientes na dieta, pode levar à diminuição dos níveis de pressão arterial, por isso, ela colabora na prevenção da doença, que é caracterizada pelos elevados níveis de pressão sanguínea nas artérias. Além disso, a contribuição das fibras alimentares para o controle do colesterol, também ajuda a prevenir a doença, já que esse é um dos fatores de risco.

7. Reduzem o risco do câncer de intestino

O consumo de fibras alimentares, pode diminuir o risco do câncer de intestino e coloretal ocorrer, principalmente as insolúveis. Isso porque, elas colaboram na inibição do crescimento de células cancerígenas.

Só que é importante lembrar, que depositar a responsabilidade de prevenção somente a alimentos que contém fibras não é correto, já que o quadro de prevenção a doenças envolvem também hábitos diários como não fumar, fazer exercícios físicos, controlar o consumo de álcool e etc.

8. Podem ser aliadas na gravidez

Com a gestação, alguns fatores desconfortáveis  em relação ao intestino podem surgir. Normalmente, os alimentos ricos em fibras, como algumas frutas  e verduras, carregam outros diversos benefícios para a saúde. Então, para não só enriquecer a alimentação, mas como também evitar a prisão de ventre e má digestão durante a gravidez, é importante ficar de olho no consumo de fibras e como dito anteriormente, no consumo de água.

Não esqueça de consultar um médico a respeito de hábitos alimentares para tomar as medidas mais indicadas para a sua saúde e a do bebê.

9. Ajudam a dormir melhor

De acordo com um estudo publicado pela revista científica Journal of Clinical Sleep Medicine, as fibras colaboram com a qualidade do sono, contando com o tempo demorado para começar a dormir e o período dormindo.

Assim como os hábitos alimentares possuem papéis importantes para a pele, cabelo e outras questões, eles também desempenham uma influência no sono e no caso desses nutrientes, é positiva.

10. Colaboram com o sistema imunológico

Além de contribuir para prevenção e tratamento de algumas doenças, como a diabetes e doenças cardiovasculares, esses nutrientes contribuem para melhorar o sistema imunológico, principalmente as solúveis, contribuindo para diminuir o risco de infecções e inflamações.

8) DICAS:

É indicado ingerir de 25 a 30 gramas de fibras diariamente. Não esqueça de beber uma boa quantidade de água todos os dias, pois assim, além de manter o corpo hidratado, você consegue potencializar os efeitos benéficos das fibras alimentares no organismo.

Lembrando que, a água associada às fibras, é muito benéfica, da mesma forma que, ingerir fibras e esquecer de tomar água, pode ser prejudicial ao bem estar e a saúde.

9) VEJA ABAIXO OS 10 PRINCIPAIS ALIMENTOS RICOS EM FIBRAS:

10 Benefícios Incríveis das Fibras para a Saúde

1) Abacate:

O abacate possui vitamina C, E, B6, K, folato e potássio. O teor de fibras encontrado no abacate varia do tipo. Há uma diferença no conteúdo de fibra e maquiagem entre o verde brilhante, lisa (abacates da Florida) e os menos escuros são (abacates da Califórnia).

Abacates da Flórida têm fibras significante e mais insolúvel do que os abacates da Califórnia. ­ Além da fibra, os abacates são embalados com gorduras saudáveis que ajudam a reduzir o colesterol e reduzir o risco de doença cardíaca. Comece a incorporar abacate fresco em sua dieta com algumas dessas receitas de abacate. Sua fibra dietética é de 10,5 gramas por copo ou fatiado.

2) Coco:

As vitaminas encontradas no coco são manganês, ácidos graxos, ômega 6, folato e selênio. O coco é muito bom e é bem popular. Ele tem baixo índice glicêmico, é fácil de incorporar em sua dieta. Ele tem 4 a 6 vezes mais de quantidade de fibra com farelo de aveia.

Para a dieta é muito bom acrescentar farinha de coco e coco ralado, é muito saudável. Nos países onde o coco é comum, o índice de incidente de colesterol alto e doenças cardíacas são raros. O coco possui fibras dietéticas de 7,2 gramas por xícara. Bom dizer, que na maioria das receitas de cozinha, você pode substituir até 20% de farinha de coco para outras farinhas

3) Ervilha verde:

A ervilha verde possui muitas fibras  e antioxidantes excelentes, propriedades anti-inflamatórias e phytonutrients que ajudam o bem-estar. A ervilha é excelente para inserir na dieta. Você pode comer com salada, sopas,  entre outros. Seu valor dietético é de 8,6 por copo cozido.

4) Figo:

Os nutriente notáveis no figo são, ácido pantotênico, potássio, manganês, cobre e B6. Figo fresco e seco é uma grande de fibras. O figo tem equilíbrio quase perfeito de fibra solúvel e insolúvel. Eles são ótimos para manter a pressão arterial normal e proteger contra degeneração macular. Seu valor dietético é de 14,6 gramas em 1 xícara de figos secos.

5) Feijão preto:

­O feijão preto possui nutrientes densos e fornecem grandes proteínas e fibras para a dieta. Ele possui um alto teor de flavonoides e antioxidantes que ajudam a combater os radicais livres, reduz o risco de alguns canceres e doenças inflamatórias. Seu valor dietético é de 12,2 gramas por xícara.

6) Framboesa:

Framboesas é rica em vitamina K, que está associada com o aumento da densidade óssea, e os altos níveis de manganês da framboesa ajudam a suportar ossos saudáveis, pele e níveis de açúcar no sangue. Todos esses benefícios, além de fornecer uma maneira de degustar, grande parte têm bastante fibra na dieta. A fambroesa tem fibras dietéticas de 7,6 gramas por xícara.

7) Lentilha:

As lentilhas além de ser rica em fibras, ela está entre os 10 alimentos mais ricos em folato. O folado é essencial para gravidas com doenças hepáticas. Seu valor é de 10,4 gramas por xícara.

8) Nozes:

As nozes são uma maneira saudável de aumentar a ingestão de fibras. As nozes possuem proteínas, manganês, cobre, ômega 6, ômega 3, folato, vitamina B6 e fósforo, e tende a melhorar o raciocínio  verbal, a memoria e o humor. Seu valor é de 1,9 gramas por 1 em peso.

9) Pera:

A pera é rica em vários nutrientes, como vitamina C,K, ácidos gordos, ômega 6 e potássio. Contando que é uma delicia. A pera contêm níveis altos de fibra e ômega 6, que está associado à células saudáveis, cérebro e função nervosa. Ela tem fibra dietética de 9,9 gramas por fruto médio.

10) Quiabo:

Um copo de quiabo já é o suficiente para um terço de fibra, contando que é rico em cálcio. Seu valor dietético é de 8,2 gramas por xícara.

Veja este programa que fala como os alimentos ricos em fibras ajudam a emagrecer (25:29):