Perda Auditiva Induzida por Ruído em Soldados Pode Ser Impedida

Em 99% dos soldados, o zumbido no ouvido é causado pela exposição ao ruído constante e/ou intenso. Milhões de pessoas sofrem desse mal no mundo inteiro, só no Brasil são mais de 28 milhões de pessoas atingidas. E o número um dessas vítimas são os soldados.

Os soldados estão constantemente expostos a explosões, tiros, ruídos de tanques, helicópteros e motores de avião. Muitas vezes, não precisam ir à guerra, apenas os treinamentos, já causam danos na audição. Principalmente, os indivíduos responsáveis na mecânica de aeronaves que estão sempre sob exposição de 110 dB a 160 dB+, o que é realmente crítico para um ouvido de uma pessoa suportar: mesmo com uso de protetores no ouvido, o zumbido é inevitável para eles, o que também pode vir a causar a perda de audição nos mesmos.

Como os Soldados podem Prevenir a Perda Auditiva Induzida por Ruído?

S

Pesquisadores descobriram que alguns nutracêuticos podem prevenir e até reverter perdas auditivas em alguns soldados. Alguns deles são encontrados em uvas vermelhas. Estudos mostram que mais de 12% de todos os soldados americanos mobilizados que retornam de conflitos em todo o mundo experimentam perda auditiva induzida por ruído. Os pesquisadores podem agora determinar como perda auditiva induzida por ruído e lesão cerebral traumática por zumbido ocorrem.

Uma equipe de pesquisadores do Hospital Henry Ford, nos EUA descobriu que alguns nutracêuticos podem não só prevenir, mas também, reverter a perda de audição em determinadas circunstâncias.

Como parte da pesquisa, a equipe desenvolveu um modelo de zumbido e perda de audição induzidos por explosão usando um tubo que gera uma onda de choque de 194dB, muito semelhante a muitos dos dispositivos explosivos que são implantados contra soldados.

Além desses métodos, várias intervenções estão disponíveis, incluindo a modificação da dieta, o uso de ervas e suplementos específicos, terapias de som, medicamentos de ação central e estimulação elétrica da cóclea e cerebral usando eletrodos implantados e um gerador de pulso implantável.

A equipe de pesquisa do Hospital Henry Ford diz ser a primeira a identificar como o trauma acústico de máquinas e dispositivos explosivos danificam as células do ouvido interno, quebram e param o crescimento celular.

“A perda auditiva induzida por ruído não apenas afeta a capacidade de uma pessoa ouvir: pode causar problemas de equilíbrio, torna difícil para dormir e se comunicar. Ela pode aumentar o risco de doenças do coração, aumentando a pressão sanguínea de uma pessoa, lipídios e de açúcar no sangue , “disse o Dr. Michael Seidman, que liderou a equipe de pesquisa.

Use o software Hearing Guardian para condicionar as áreas danificadas da audição

Baixe o software Hearing Guardian no seu computador para identificar as células danificadas e condicionar para tratar os problemas de zumbido no ouvido. Leia os depoimentos dos usuários do Hearing Guardian v1 (somente acessível pelo computador)

Fonte:

http://www.hear-it.org/Noise-induced-hearing-loss-in-soldiers-may-be-prevented

http://www.sciencedaily.com/releases/2012/09/120906111751.htm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *