Muita gente acredita que para o perfume ter o seu efeito, basta borrifá-lo em qualquer parte do corpo. Mas, não é bem assim que funciona, existem truques e pontos estratégicos que potencializam ainda mais seu efeito e prolongam a duração da sua fragrância. Confira a lista.

1. Devemos aplicá-lo onde há maior corrente sanguínea

Muita gente acredita que aplicar atrás dos pulsos, atrás do joelho, na nuca e atrás da orelha são pontos estratégicos. Mas você sabe o por quê? Esses pontos são escolhidos por possuírem maior corrente sanguínea e, desta forma, o perfume é absorvido para dentro de nossas veias, espalhando-se pelo corpo e inalando seu aroma por mais tempo.

2. Quantidade para o dia e para a noite

Notícia Diárias Para Quem Não Tem Tempo

O ideal é que optemos por uma quantidade diferente de dia, enquanto trabalhamos, ou a noite, quando vamos àquele evento badalado. Durante o dia é interessante passá-lo apenas em dois pontos, por exemplo, na nuca e nos pulsos, sempre borrifando uma só vez em cada área.  Já durante a noite, podemos “abusar” um pouquinho mais, aplicando em mais áreas, porém, seguindo a ideia de um borrifo por ponto escolhido.

Acabar com o zumbido no ouvido

3. No verão

Precisamos ter um maior cuidado durante esta estação, utilizando perfumes mais suaves, sem exagerar na aplicação, já que o calor e o suor podem provocar efeito contrário e a fragrância adquirir um aroma desagradável.

4. Duração das fragrâncias

Normalmente, uma fragrância dura cerca de quatro horas na pele, por isso, é ideal reaplicá-la de três a quatro vezes por dia. Dependendo da marca do perfume a fixação na pele pode ser maior, além disso, alguns fatores influenciam neste quesito, como: exposição do frasco à luz do sol.

Acabar com o zumbido no ouvido

5. Diferença entre colônia e perfume

A diferença nada mais é do que a concentração da fragrância de ambos: a colônia possui menos concentração que o perfume, por isso, um torna-se mais “fraco” que o outro.