Saiba Tudo Sobre a Artrose (Osteoartrite)

Saiba Tudo Sobre a Artrose (Osteoartrite)

A artrose ou também chamada de osteoartrite é uma doença nas articulações que acontece quando a cartilagem que reveste a junta começa a se corroer com o tempo. Ela é considerada uma doença degenerativa e diferentemente da artrite, não é uma doença inflamatória.

Com o enfraquecimento natural, pedaços de cartilagem se rompem e flutuam no espaço articulatório. O tecido ósseo fica exposto ao mesmo desgaste que a cartilagem articular, mas sem a flexibilidade e capacidade regenerativa. A artrose costuma afetar as articulações dos ombros, costas, quadris, joelhos e tornozelos.

1) Quais são as causas da artrose (osteoartrite)?

Saiba Tudo Sobre a Artrose (Osteoartrite)

Na doença, ocorre insuficiência da cartilagem, ocasionada por um desequilíbrio entre a formação e a destruição dos seus principais elementos, associada a uma variedade de condições, como sobrecarga mecânica, alterações bioquímicas da cartilagem e membrana sinovial e fatores genéticos. Tendo como principais regiões atingidas as articulações das mãos, dos joelhos, coxofemurais e da coluna.

As causas estão divididas em duas categorias: primária e secúndaria. A primária acontece com o uso excessivo de uma articulação, mas também pelo envelhecimento natural da pessoa. O uso repetitivo ao longo período dos anos pode causar dados à cartilagem das articulações. A secúndaria acontece com a condição física do indivíduo como:

Outros fatores que contribuem para a doença são:

Acabar com o zumbido no ouvido
  • Hereditariedade
  • Obesidade (nos membros inferiores, a probabilidade é maior de acontecer)
  • Desequilíbrio hormonal (A falta de estrogênio pode facilitar o aparecimento da doença)
  • Ambiente de trabalho (Alguns trabalhos fazem com que artrose se desenvolva mais rapidamente, porém em geral, quando o corpo permanece em uma mesma posição ou em posições incorretas, a chance de adquirir a doença aumenta.)

2) Quais são os sintomas?

Os sintomas costumam se desenvolver lentamente. Quando a doença está no início (ou seja, quando o desgaste na cartilagem está começando) os sintomas são praticamente nulos. Os sinais só começam a aparecer depois de certo tempo. São eles:

  • Dor – a dor se concentra na articulação afetada. Ela aumenta no momento do movimento, a maior diferença entre os sintomas da artrite é que na artrose não acontecem as inflamações.
  • Rigidez  a rigidez da articulação acontece principalmente ao acordar. Esse sintoma tende a piorar conforme o avanço da doença, além da perda de flexibilidade.
  • Ruído no momento do movimento  Dependendo do lugar afetado é possível ouvir um som que vem da articulação. Mais parecido com um ruído, o som pode se modificar conforme o local afetado e o nível de progressão da doença.

3) Como diagnosticar?

Notícia Diárias Para Quem Não Tem Tempo

O diagnóstico é feito através de exames objetivos e pelo diagnóstico instrumental. Os médicos devem avaliar a postura, o alinhamento dos membros do corpo, e avaliar cuidadosamente as articulações doloridas e se apresentam ou não, inchaço.

A Radiografia tradicional mostra também as alterações nos ossos e a presença de  osteófitos ou esclerose, além das áreas de reabsorção óssea. Em últimos casos são usadas a ressonância magnética ou a tomografia computadorizada.

4) Existem tratamentos? 

Atualmente, não há tratamento algum para retardar ou reverter a evolução da doença. Contudo, o condicionamento físico por meio de exercícios aeróbicos é uma medida importante para controle dos sintomas.

Pensando em levar à sociedade melhores condições de saúde, diversas universidades do país realizam estudos na área. A Universidade Federal do Maranhão, por exemplo, é uma delas e conta, inclusive, com um Laboratório de Estudo Experimental da Dor (LEED). Nele, é desenvolvido o projeto de pesquisa “Avaliação dos efeitos de medicamentos alopáticos e fitoterápicos em modelo experimental de osteoartrite”, que objetiva avaliar o efeito da cetamina e do cloreto de magnésio por via intra-articular em ratos, um modo eficaz para o tratamento da doença.

O Projeto é desenvolvido desde o ano de 2011, avalia os medicamentos fitoterápicos e alopáticos como uma alternativa no tratamento da doença, onde são realizados testes pré-clínicos em ratos, através da indução da osteoartrite nestes animais e avaliados. A partir disto, os parâmetros clínicos, como a deambulação – colocar o animal para andar – a analgesia – com estimulação de dor – e avaliação dos mediadores da dor.

Como a artrose é geralmente uma doença que atinge os idosos, os tratamentos devem ser feitos com muito cuidado e de forma limitada.

  • A fisioterapia é a forma mais utilizada para aliviar a dor e reduzir o estresse, como um todo.
  • Alguns medicamentos para a dor, como o ibuprofeno, são receitados e causam o efeito desejado.
  • Outras terapias utilizadas são a cortisona e a ingestão de lubrificantes nas articulações.
  • A substituição da articulação só é realizada em casos mais graves, em que os ossos foram corroídos.

5) Quais são os tratamentos caseiros?

É importante que a pessoa que possui osteoartrite tenha uma vida normal, sem sentir dor e tendo domínio dos movimentos. Por isso, é importante estar atento à pequenas atividades que contribuem para o alívio dos sintomas. Confira:

Acabar com o zumbido no ouvido
  • Repousar durante o dia, em pequenos períodos;
  • Ter cuidado ao levantar, sentar, carregar objetos e, também, ao andar, evitando posições que sobrecarreguem as articulações;
  • Praticar exercícios a fim de fortalecer os músculos;
  • Realizar atividades que confiram estabilidade para as articulações
  • Evitar exercícios que carreguem peso;
  • Controlar o peso.

Veja também este vídeo que mostra os exercícios para combater o artrose (32:29)

Fontes:

http://www.healthhype.com/arthrosis-define-causes-symptoms-treatment-difference.html

http://www.medicinenet.com/script/main/art.asp?articlekey=8747