O que é edema?

Edema é um causado pela retenção de líquidos nos tecidos. Esse inchaço pode ser causado por uma lesão ou por uma inflamação, que costuma ocorrer nas mãos, braços, tornozelos, pernas e pés.

O pode estar ligado aos sistemas venosos ou linfáticos e pode ser ou generalizado ou local, ela se desenvolve lentamente.

Os tipos mais comuns são:

  • Edema periférico – nos pés, tornozelos, pernas, mãos e braços.
  • Edema cerebral
  • Edema dos olhos – em torno dos olhos

1) Quais são as causas do edema?

O edema é comumente causado pelos seguintes fatores:

  • Inatividade física
  • Ficar em pé ou sentado por muito tempo
  • Genes
  • Cirurgia (as cirurgias são grandes causadoras de edemas, já que após algum procedimento cirúrgico acontece o inchaço)
  • Ficar exposto à altas altitudes
  • Queimaduras
  • Gravidez
  • Menstruação e pré-menstruação
  • Pílula anticoncepcional
  • Menopausa
  • Desnutrição

O edema pode ser causado também por algumas doenças como: a doença renal (o edema terá inchaços em torno das pernas e nos olhos), insuficiência cardíaca, doença pulmonar crônica, doença hepática (como a a , que provoca cicatrizes do fígado), , , , entre outras doenças. Na perna, os edemas costumam ser causados por:

  • Um coágulo de sangue
  • Varizes
  • Infecção / inflamação
  • Um cisto
  • Tumor
  • linfedema

2) Quais são os sintomas?

edema

Os sinais vão depender da quantidade de edemas que você tem e os locais que eles estão localizados, mas os mais comuns são:

  • Infecção ou inflamação
  • Dificuldade de respiração
  • Peso nas pernas
  • Falta de ar e a tosse .
  • Inchaço na pele
  • Inchaço dos tornozelos, rosto ou nos olhos
  • Dores nos partes do corpo
  • Rigidez articular
  • Ganho de peso
  • Perda de peso
  • Pressão arterial Alta
  • Ascite – aumento do volume abdominal.

3) Existem tratamentos?

Os tratamentos devem ser feitos de acordo com a causa do inchaço. Por exemplo, se você está com edemas por conta de alergias, o tratamento recomendado é o uso de medicamentos para tratar o inchaço.

Os edemas são, muitas vezes, blocos de líquidos que ficam estanques em nosso corpo. Sendo assim, os medicamentos mais usados são os diluentes de sangue, que quebram o coágulo e tentam fazer com que a drenagem volte ao normal.

Quando os edemas são causados por tumores e linfomas, o tratamento usado são as cirurgias, a quimioterapia ou a radiação. Os relacionados a insuficiência cardíaca ou hepática podem ser tratados com um diurético, como a furosemida, que limita a quantidade de sódio que você ingere, ajudando no equilíbrio do corpo.

4) Tratamentos naturais para o edema

Remédios naturais para edema

1- de maça – Coloque 1 a 2 colheres de sopa em um copo de e beba várias vezes diariamente.

2- Sal de epsom – um banho com sal de epsom pode ajudar a desinchar porque ele elimina o fluído e as toxinas do corpo. Misture 2 copos de sal de epsom na banheira e fique na água por 15 minutos. Faça este procedimento 3 vezes por semana.

3- Óleo do árvore do chá –  pode ser usado quando a inflamção é causada por picadas de insetos. Coloque em algodão o óleo de árvore do chá na área infectada. Faça 2 vezes ao dia.

4- Massagem – este método ativa o sistema linfático, ajudando a drenar a reteção do fluído. Use de oliva para massagear a área infectada várias vezes ao dia.

5- Salsinha – tem um efeito diurético que bloqueia a absorção de sódio, eliminando o excesso de fluídos no corpo. Ferva por 10 minutos, um colher de para 2 copos de água e beba 1 vez ao dia.

 

5) Como diagnosticar?

Para diagnosticar o edema, o médico geralmente realiza:

  • Exames de sangue
  • Radiografias
  • Testes de urina
  • Testes de função hepática e cardíaca.
  • O médico também costuma checar o histórico médico do paciente e seu estado atual, para diagnosticá-lo.

Veja também esta entrevista com Dr. Celso Ricardo Bregalda Neves que explica a causa do edema (4:02):

Fontes:

http://www.medicalnewstoday.com/articles/159111.php

Equipe Biosom

contato@biosom.com.br