12 Causas de Zumbido no Ouvido e Remédios Naturais

Todo pode ser um sinal de alerta! Você já foi a um show ou festa e depois que saiu, começou a ouvir um chato? Se nós não fossemos avisados pelo zumbido, não saberíamos que estamos perdendo a audição e que não deveríamos nos expor a altos níveis de ruído. Por isso, o zumbido serve de alerta, para que saibamos o limite da nossa audição. Embora as 90% das no ouvido é devido a exposição a altos níveis de ruídos sonoros e envelhecimento natural, existem outros casos.

Nós da equipe da fizemos uma pesquisa por alguns anos sobre os diversos tipos de zumbido e a causa de cada um deles. No mundo 15% da população sofre de zumbido no ouvido, sendo 28 milhões de pessoas apenas no Brasil. É importante saber que embora as causas de zumbido no ouvido são diversas, 90% dos casos de zumbido ocorrem após estarmos expostos a um ruído muito alto.

Acompanhamos várias pessoas com zumbido que estão sempre compartilhando o seu problema com os outros portadores de zumbido e a maioria acha que há apenas um tipo de zumbido. Porém, ele pode estar relacionado a muitos fatores, os mais frequentemente diagnosticados são: trauma acústico, excesso de cerume, infecção no ouvido, efeitos colaterais de certos medicamentos, tímpano perfurado, acúmulo de líquidos, pressão arterial alta, tumor no nervo auditivo (neuroma acústico), níveis muito altos de triglicerídeos no sangue, diabetes, envelhecimento , stress, doença e até mesmo hereditário.

Como você sabe, não há um tratamento que funciona para todos. Alguns tratamentos funcionam para algumas pessoas e não para outras, dependendo do tipo e da causa do seu zumbido. Por isso, você precisa descobrir primeiro a causa para resolver o seu problema eficientemente. O software Hearing Guardian tem sido uma grande solução aos zumbidos causados por idade e exposição excessiva ao barulho, ou melhor, zumbidos associados à .

SEM TEMPO DE LER ESTE ARTÍGO? CLIQUE NO PLAY A BAIXO E APENAS OUÇA ENQUANTO FAZ OUTRA COISA!

Embora o nosso software tenha um grande efeito, a nossa equipe pesquisou mais para oferecer informações importantes sobre as causas do seu zumbido e alguns medicamentos naturais. Algumas pessoas relataram uma melhora tomando minerais, como e zinco, preparações de ervas, como Gingko Biloba, remédios homeopáticos, ou vitaminas B para seu zumbido.

I) Veja as 12 Principais Causas de Zumbido e Alguns Remédios Naturais que Podem Ajudar:

1) Poluição Sonora e Envelhecimento Natural (A Principal Causa) 

A perda auditiva é 90% de casos de zumbido. Médicos e cientistas descobriram que a maioria das causas do zumbido estão relacionadas a perda auditiva causada pela exposição excessiva ao barulho e envelhecimento natural. Medicação: Neste caso não adianta tomar remédio. Baixe o software v1 no seu computador. Você deve estar perguntando como que um simples software pode resolver o seu problema de audição. Para isso você precisa entender como a nossa audição funciona. Leia com atenção e você conseguirá proteger a sua audição para o resto da sua vida.

A Cóclea é a parte fundamental do sistema auditivo humano, responsável por transformar um sinal acústico em um sinal elétrico. Células ciliadas auditivas da cóclea têm sua distribuição similar a um teclado de piano.

Cada célula ciliada, ou seja, cada tecla é responsável por detectar certa frequência. Se houver um problema em qualquer tecla, é necessário que haja um ajuste, portanto o software Hearing Guardian v1 desempenhará o papel de afinador de piano.

No caso de um dano sutil, é difícil identificar a célula ciliada auditiva danificada. Caso ocorra um problema em uma tecla específica, conseguiremos perceber o problema pressionando a tecla danificada. Se você possui algum problema em uma faixa de frequência específica das células ciliadas auditivas, você provavelmente precisará aumentar o volume para ouvir o som. Ao realizar testes de volume mínimo audível em cada faixa (INDEX 1 ao INDEX 9) da cóclea, o programa Hearing Guardian v1 gerará sinal para a faixa mais danificada da sua audição.

As células ciliadas vibram somente com as ondas sonoras e não existe nenhum outro meio. A única maneira de condicionar a região danificada é fazer com que o software Hearing Guardian produça ondas sonoras personalizadas através de um simples teste que o mesmo fornece.

Faça um teste com o software e você sentirá o efeito com alguns dias de uso. Você não pode deixar de instalar este software no seu computador. Acesse o website www.biosom.com.br e instale o software Hearing Guardian v1 no seu computador agora. Se você deseja saber mais sobre este software adicione o  Whatsapp da empresa: 11-94144-3455 que você poderá instalar o software gratuitamente. Veja os depoimentos das pessoas que acabaram com o zumbido com o software Hearing Guardian

2) Danos no Nervo Auditivo 

Danos nas terminações microscópicas do nervo auditivo no é uma das causas de zumbido. Medicação: Tomar 300 mg. por dia de Coenzima Q10. Esse poderoso antioxidante é crucial para a eficácia do sistema imunológico e da circulação para os ouvidos.

3) Circulação Sanguínea 

A má circulação sanguínea pode provocar e até mesmo zumbido. Medicação: A ajuda a reduzir tonturas e melhorar a perda auditiva relacionada à redução do fluxo sangüíneo para os ouvidos. Leia mais >>  Ginko Biloba 

4) Disfunção Temporo-mandibular 

Problemas na articulação temporomandibular (ATM). É uma deficiência na “articulação da mandíbula”  e pode resultar em estalo ou ruídos ao mover o maxilar. Medicação: Comer abacaxi fresco com frequência para reduzir a inflamação. Leia também >> DTM – disfunção da articulação temporomandibular pode ser a causa do zumbido no ouvido

5) Inflamação no Ouvido Médio 

Rigidez dos ossos do ouvido médio, a região depois da membrana timpânica, pode ser a causa de zumbido. Medicação: Incluir na dieta de vegetais, muita alga marinha e alho. Leia mais >> O que é otite?

6) Ruptura no Tímpano 

Um buraco ou uma ruptura no tímpano pode causar o zumbido. Uso indevido do cotonete é uma das principais causas de ruptura no tímpano. Medicação: Misturar 1 colher de chá de sal e 1 colher de chá de glicerina em 1 litro de morna. Usar uma garrafa de spray nasal para pulverizar cada narina com a solução até que comece a escorrer para o fundo da garganta. Pulverizar a garganta com a mistura. Fazer isso três vezes ao dia. Leia mais >>  Ruptura no tímpano 

7) Infecção no Ouvido 

Infecção no ouvido também pode causar o zumbido. Se uma infecção reduz sua capacidade de ouvir os ruídos externos, você terá tendência a ouvir os ruídos relacionados ao zumbido. Leia mais >> Tipos de infecção no ouvido

8) Acúmulo de Cera no Ouvido 

Acúmulo de excesso de cera no ouvido pode reduzir sua capacidade de ouvir ou causar inflamação da membrana do tímpano, no ouvido médio ou no ouvido interno. Leia mais >> Cera no ouvido e a perda de audição  

9) Má Alimentação 

Alimentos específicos podem provocar o zumbido. Tais alimentos incluem o vinho tinto, baseado em grãos, queijos, chocolates e água tônica / quinino, alto teor de sódio e gordura. Leia mais >> 4 Alimentos que podem piorar o zumbido

10) Estresse 

O estresse não é uma causa direta, mas geralmente faz um caso existente piorar. Zumbido nos ouvidos, às vezes, é acompanhado de vertigem (tontura). Leia mais >> Aprenda como exercitar em casa ou no trabalho para aliviar o estresse.

11) Medicamentos 

O uso prolongado de certos medicamentos. A em doses grandes, quinina, antibióticos e anti-inflamatórios podem afetar células do ouvido interno. Leia também >> Como os remédios podem causar o zumbido e quais são as soluções 

12) Outros 

Alergias, tumores, HIV, genética, problemas no coração e pescoço podem causar zumbido. Veja quais tipos de remédios você está tomando.

II) Veja Algumas Dicas Caseiras para Aliviar o Zumbido:

I) Quais são as principais causas de zumbido no ouvido? 

  • Limitar o uso de aspirina, produtos que contenham aspirina e outros antiinflamatórios não esteróides (AINEs), como o ou .
  • Cortar ou parar de beber álcool e bebidas que contenham cafeína.
  • Parar de fumar e parar de usar produtos de tabaco sem fumaça. O uso de nicotina torna pior o zumbido através da redução do fluxo sanguíneo para as estruturas do ouvido.
  • Exercite-se regularmente. Exercício melhora o fluxo sanguíneo para as estruturas do ouvido. Mas evite longos períodos de exercício, como andar de bicicleta, que mantêm o seu pescoço em uma posição hiperestendida.
  • Evite alimentos salgados, doces e gordurosos e consuma alimentos saudáveis. Veja os 6 tipos de vegetais e frutas que aliviam o zumbido
  • Pratique técnicas de relaxamento, como meditação ou yoga. e fadiga podem piorar o zumbido. Veja também »» 7 Posturas de Yoga para Aliviar o Zumbido no Ouvido
  • Limitar ou evitar a exposição aos ruídos. Eles podem prejudicar a audição e, assim, potencializar o zumbido. Se você não pode evitar ruídos altos, use protetores de ouvido.
  • Para aqueles que sofrem de Disfunção na articulação temperomandibular,  a fisioterapia e exercícios de mandíbula podem ajudar pessoas com zumbido e aliviar seus principais sintomas. Aprenda os exercícios »» 5 Exercícios de Mandíbula para Aliviar o Zumbido no Ouvido
  • Use o software Hearing Guardian v1- Esse método dispensa remédios ou cirurgias. Estudos revelaram que através do condicionamento através do som limiar, é possível proteger e ter uma melhora na audição. Esse método é exclusivo da tecnologia TSC e você pode usar em casa. O software Hearing Guardian utiliza a tecnologia TSC e pode ser baixo gratuitamente, clique aqui para baixar e saber mais sobre o software.

III) Quais são os Riscos de Zumbido?

Tratamentos Caseiros: Cure o Zumbido em um Instante!

A) Riscos em pessoas de idade avançada

O zumbido é predominante como um dos muitos problemas auditivos relacionados a idade na população idosa. As causas prováveis incluem o efeito acumulativo de ruídos altos e poluição sonora em geral ao longo dos anos.

“Vivemos em um mundo extremamente barulhento que está ficando pior a cada dia”, diz Amann, vice-presidente de marketing e vendas da Neuronomics, que desenvolveu um dispositivo que trata especialmente o zumbido. “O zumbido pode atingir qualquer pessoa, em qualquer momento, os indivíduos que estão particularmente em risco devem estar ciente desta condição e tomar precauções para reduzir os níveis de exposição ao ruído.”

Hoje, há uma grande esperança para aquele que sofrem de zumbido, com tratamentos mais eficazes no mercado, explica Amann. Profissionais da audição podem ajudar essas pessoas de risco, tendo zumbido ou não, podendo indicar o melhor tratamento para eles.

B) Riscos em músicos e amantes da música

Desde o clássico até o heavy metal, ou seja, qualquer estilo de música pode ter o volume do som alto. Artistas, engenheiros de áudio e ouvintes de todos os tipos de música correm o risco de ter zumbido induzido por ruído.

Hoje, a tecnologia continua avançando e ajudando a expandir mais a indústria musical e, ao mesmo tempo, o volume das músicas aumentam mais e mais. O zumbido não surge em um período de curto prazo, mas sim surge com o acúmulo de ruídos de longos períodos.

C) Riscos em trabalhadores expostos a ruídos altos

Pessoas que trabalham ou já trabalharam com aviões, máquinas ou outros tipos de equipamentos que causam muito barulho, também estão neste grupo de risco. Apesar de ter fiscalização para controlar os níveis de ruído no local de trabalho e protetores auditivos, a exposição contínua em ambientes com muito ruído num período longo de tempo pode contribuir no surgimento do zumbido no ouvido.

Assista também este vídeo divertido do Denis Lee falando sobre este problema (3:44):

Fontes:

http://www.webmd.com/a-to-z-guides/living-with

http://patient.info/health/tinnitus-leaflet

http://www.prweb.com/releases/2012/6/prweb9574315.htm

Equipe Biosom

contato@biosom.com.br